Acho redes sociais algo super legal. É um meio de expressão, de juntar a galera que está longe, de matar a saudade. Mas também é uma ferramenta de irritação diária. Eita, como tem gente chata no Facebook, no Instagram, no Twitter… onde mais? Gente que até faz parte do nosso convívio no mundo real, mas que dá vergonha alheia na internet. E o pior de tudo é que a gente não pode parar de seguir ou desfazer a amizade porque pega mal. Mas que dá vontade, dá. Então aí vai uma penca de indiretas para esse povo que fica postando coisa que, na verdade, ninguém tá interessado.

Testes de Facebook não te definem, não apontam o seu melhor amigo e nem são capazes de adivinhar o que você e seu crush/namorado/marido/cachorro tem em comum. Muito menos quem você foi na vida passada. Pare de ficar compartilhando todos o resultado de cada teste inútil que você faz nesses sites duvidosos. Ninguém tá interessado.

Miga, dou super apoio para: sua nova dieta, sua consulta com a nutri, seu almoço maravilhoso de mato e cada porcaria de agachamento que você fez no treino com o seu personal. Dou apoio mesmo. Isso até você compartilhar cada minuto da sua mudança, do seu novo “eu”, no seu perfil. Cria uma newsletter, manda foto no grupo fitness do ZapZap. Mas pare de fazer tanto esforço para aparecer e querer ouvir dos outros que você emagreceu. Ninguém tá interessado.

Fake news. Até parece conversa do Donald Trump, mas cacete, dá para pelo menos LER a notícia antes de compartilhar? Checar de onde veio? Tem galera compartilhando coisa do Sensacionalista como se fosse notícia de Plantão da Rede Globo. Ok, o mundo do jeito que tá, parece um show ambulante de comédia stand-up, mas não precisa piorar, né?

E por último, fico super contente que você tenha visitado o lugar X. Mas não precisa colocar a sua cara em cada foto. Ok, todo mundo já entendeu que você esteve lá. Por que tem que tirar selfie com cada onda do mar, em cada canto do monumento X? Deixa a gente admirar essa paisagem linda. Nós já te conhecemos e adivinha..? Ninguém tá interessado.