O sul da França, mais precisamente a Riviera Francesa, é um dos destinos mais populares entre ricos e famosos para curtir o verão europeu. Hotéis de luxo, como o Eden Roc, e o Festival de Cinema de Cannes (para citar apenas um evento da região), estimulam as idas e vindas das estrelas. É fácil esquecer que pessoas “normais” também moram por essas bandas. O que fazer por aqui quando não somos milionários? Além do glamour, o Sul da França tem uma beleza natural ímpar, misturando a calmaria das montanhas com a badalação do litoral. Uma maneira gratuita (e fitness) de explorar isso é fazendo a caminhada ao longo do Cabo de Antibes.

A volta completa da península tem quase 5 quilômetros e leva, em média, duas horas. O que fizemos foi parar o carro no estacionamento da praia de la Garoupe e começar a caminhada a partir de lá. Todo o percurso é bem delimitado, então não há risco de se perder. Contudo, preste atenção ao horário do pôr do sol, porque não há nenhum tipo de iluminação artificial. O caminho é relativamente fácil, porém trechos íngremes e sem muito apoio podem dificultar o trajeto para pessoas com mais idade e/ou com dificuldades físicas.

Em alguns pontos andamos em um terreno plano e em outros subimos e descemos degraus na beira de penhascos de calcário branco. Lá embaixo, as ondas do mar Mediterrâneo de um turquesa impossível de ser fielmente capturado por uma câmera. Como é inverno, tivemos o prazer de ver isso com os Alpes cheios de neve ao fundo. (Uma pena que neste dia em que fiz as fotos havia névoa!)

Por conta de ser baixa temporada, não há problema de circulação pela trilha estreita. Mas com certeza o cenário será outro quando o calor chegar e grupos de turistas se acumularem no meio do caminho para tirar fotos. Quem mora pela região pode considerar fazer a caminhada antes que eles cheguem – ou depois.

Gostaram das fotos? Me contem nos comentários se vocês têm alguma curiosidades sobre o Sul da França ou sobre a vida por aqui. Estou ansiosa pela chegada do verão para ver como o ritmo vai mudar.