Grotte de la Salamandre: um espetáculo de luz

No post de hoje vou levar vocês para conhecer uma beleza natural francesa que com certeza não faz parte dos roteiros turísticos tradicionais mas que vale cada minuto da visita. A Grotte de la Salamandre (ou Gruta da Salamandra, em português) fica em Méjannes-le-Clap, uma cidade do departamento do Gard, no sul da França.

gruta-5

Situada em meio a garriga selvagem, a cavidade foi explorada pela primeira vez em 1965. O grupo de espeleólogos ficou surpreso ao descer 50 metros e encontrar uma sala do tamanho de um campo de futebol (em torno de 75×110 metros) ornada com estruturas titanescas. Foi apenas em 2011 que começaram os trabalhos que permitiriam o acesso à gruta, que tem exploração privada. Dois túneis foram construídos, um deles totalmente horizontal permitindo o acesso de pessoas com deficiência física. Aparentemente é a única gruta adaptada da Europa. O local foi finalmente aberto a visitação no verão de 2013.

gruta-3

As obras obviamente não alteraram as estalactites ou estalagmites, mas colocaram em evidência a opulência das formações com uma iluminação estratégica. As cores vão mudando sutilmente e ressaltando os desenhos naturais ao longo da visita. Saber quer tudo isso demora um ano para crescer 0,01 milímetro (!) já é impressionante e só fica ainda mais inacreditável quando conseguimos ver todos os detalhes.

Por que Grotte de la Salamandre? “Diz a lenda” que o nome foi dado porque o primeiro explorador viu lá em baixo uma salamandra. Chocante, hein? Hahaha! Nas minhas duas visitas não vi nenhuma por lá, mas independentemente disso, deu para ver pelas fotos que vale muito a pena, não é? Ah, dica para quem tem um espírito radical: é possível entrar na gruta por rappel (é preciso reservar antecipadamente). Dá tempo de se planejar. A próxima temporada de visitas começa em março. E não esqueça um agasalho quando for (#dicademãe kkk) porque realmente faz frio lá embaixo!

gruta-2

Grotte de la Salamandre

30430 Méjannes-le-Clap

Horários de visita:

– Março, abril e outubro: 11h-17h.

Visitas guiadas às 11h, 12h, 14h, 15h et 16h.

– Maio, junho e setembro: 10h30-18h.

Visitas guiadas às 10h30, 11h30, 12h30, 14h, 15h, 16h et 17h.

– Julho e agosto: 10h-18h30.

Visitas guiadas a cada 20 minutos.

Tarifas:

Adultos: 11€

Crianças de 6 a 14 anos: 7€

Rappel (a partir de 12 anos): 39€

Gostaram das fotos? Me contem nos comentários se vocês já conheceram uma gruta e como foi esta experiência.

You may also like

13 Comments

  1. Foi um dos lugares mais incríveis que visitamos. Começa com uma vista linda e termina com uma vista de tirar o fôlego quando você está lá no fundo e olha para cima! Amamos! Obrigada!

    1. Oi, Carol! A gruta só fica aberto durante os meses mais quentes e fecha no inverno porque ninguém quer visitar uma caverna no frio hahaha. Fechar estabelecimentos ou atrações turísticas é frequente em países onde existe um inverno mais rigoroso. 😉

  2. Nossa, nunca tinha ouvido falar. Que lugar incrível de lindo!E é super recente, né. Com a abertura pra visitação em 2013, não me espanta mesmo que pouca gente conheça. Pergunta: por essa área tem outros passeios legais pra casar? Tipo… ir passar um fim de semana e ir um dia na gruta e outro dia em outro lugar? Bjos!

  3. Eu realmente nunca tinha ouvido falar, mas fiquei muito encantada com essas cores, com as formas, e principalmente com o tamanho. Como assim gente, do tamanho de um campo de futebol? Parece mesmo um passeio imperdível, quero visitar com certeza!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *